Dinâmica de grupo: como ter resultados?

Que tal criar uma dinâmica de grupo bem sucedida e personalizada ao seu negócio? Aqui está como fazer isso com alguns passos simples

Se você é um líder, já pensou como criar uma dinâmica de grupo eficiente para seus vendedores.

A primeira característica de uma equipe de vendas bem sucedida é a confiança.

Vendedores sem confiança não são capazes de vender nada.

Agora, vamos à segunda característica: um processo dinâmico para fomentar o trabalho em grupo.

Ou seja, uma dinâmica de grupo focada e orientada no resultado prático de cada situação.

Alguns líderes empresariais acreditam que a construção de uma equipe forte exige a dissecação do passado para então reviver todas as situações que destruíram a confiança da equipe.

Mas não é bem assim.

Uma maneira ainda melhor seria dissecar o passado, mas fazer isso com uma atitude de ouvir para aprender e compartilhar.

Quando falamos de dinâmica de grupo, dezenas de gestores varrem a internet buscando processos que permitem integrar a equipe e torna-la uma só.

Eles procuram por processos prontos, que garantam um resultado ao ser aplicado de maneira completa, fazendo com que gestores sejam meros aplicadores de dinâmicas, exercícios e gincanas.

Dessa forma, a empresa se transforma em um laboratório de testes comportamentais, ao invés de uma empresa orientada a resultados.

Talvez, o primeiro papel de um líder é saber exatamente quem é a sua equipe.

Esse é o comportamento que o distingue de um gestor.

Isso é importante, porque é impossível criarmos resultados verdadeiros aplicando exercícios e práticas que não levam em consideração a personalidade e os componentes de uma equipe.

Talvez, mais funcional do que um processo pronto, seja colocar as pessoas para se conhecerem e para aprenderem umas com as outras.

A dinâmica de grupo que funciona para o seu grupo, não é a mesma que funciona para outra empresa, ou para outro departamento dentro da sua própria empresa.

E por isso, você precisa criar uma dinâmica exclusiva se quiser ter resultados exclusivos.

Se você está buscando criar um processo de dinâmica em grupo funcional, talvez vá gostar de nossas dicas.

Dinâmica de Grupo

#1. Dê a todos os seus encontros um objetivo

Digamos, por exemplo, que a sua empresa está lutando para conseguir resolver um problema com os orçamentos aprovados para a produção.

Nada mais natural do que você peça à sua equipe para vir até você com ideias para resolver o problema.

Até porque, o problema é de todos, e não apenas seu, ou da empresa.

A dinâmica de grupo deve promover ideias espontâneas e de fluxo livre.

A reunião pode até ser guiada pelo líder, mas ele deve encorajar os participantes a compartilhar todas as suas ideias – não apenas as que acham que o líder iria gostar de ouvir.

Esse ambiente de troca verdadeiro será prolífico para que verdadeiras soluções – aplicadas à real necessidade da equipe – apareçam, e para que todos possam se sentir participativos no processo de encontrar uma solução para os problemas.

#2. Ouça com atenção

A maioria dos gestores têm um longo histórico de tomada de decisões sem dar ouvido às contribuições dos outros.

Se, durante a reunião sobre o problema dos orçamentos, um membro da equipe queixa-se sobre o comportamento de um integrante, ou até mesmo de uma equipe inteira, com comportamento inapropriado, o que fazer?

O que distingue o líder do gestor é justamente ouvir as queixas e reclamações sem dar sua visão do jogo.

Quando o líder aceita a visão de cada integrante envolvido no processo, ele tem a oportunidade de enxergar mais do que apenas pessoas executando um processo imposto.

E isso, dá a oportunidade de fazer melhorias no processo, permitindo que todos saiam ganhando.

Como líder, quando um vendedor vier compartilhar um pensamento ou visão, você precisa aceitar e ouvir. Depois você pode pensar o que fazer com o que acabou de ouvir.

#3. Procure soluções

No exemplo acima, a melhor saída seria fazer perguntas sobre os últimos problemas apresentados pelos orçamentos da empresa.

O que faltava para executar os serviços vendidos pela equipe de vendas? O que deu errado? O que poderia ser diferente?

Depois de aceitar e ouvir, o próximo passo é saber perguntar.

As perguntas conduzem qualquer dinâmica de grupo, ou qualquer reunião de liderança com a sua equipe.

A melhor resposta provavelmente virá de alguém de dentro da sala.

Anote todas as soluções possíveis, sem descontar aquelas que pareçam óbvias ou até mesmo absurdas.

Revise a lista para deixar apenas as respostas mais viáveis. Assim você vai conseguir, aos poucos, buscar respostas objetivas para os problemas.

Mas lembre-se que ninguém pode responder aquilo que não foi perguntado.

Portanto, em último caso, as respostas serão tão boas quanto a sua habilidade de fazer perguntas. Aprenda a fazer as perguntas certas.

Dinâmica de Grupo

#4. Crie um plano

Depois de concordar com uma solução, nomeie os responsáveis por cada parte do plano.

Isso pode exigir que o gestor quebre algumas certezas e hábitos, para passar a se comportar realmente como um líder.

E para quebrar essas certezas, é preciso fazer as coisas de forma diferente, ou delegá-las para outras pessoas que possam executá-las de maneira eficiente, para poder focar em outras atividades.

No final do dia é importante entender que a mudança de uma organização não é responsabilidade de um líder ou gestor, mas de toda a equipe.

Como líder, você é o maestro. Então, lembre-se que, sua atitude, preparação e comportamento, irá refletir sobre toda a equipe.

Aprenda a criar dinâmica de grupo em sua empresa sob demanda

Quando confrontados com algum problema, acabamos tendo o hábito de buscar soluções prontas e encapsuladas para nossas necessidades.

Varremos os livros de gestão, a internet e as bibliotecas em busca de respostas prontas para nossos problemas.

Nós queremos respostas prontas para nossos desafios e dificuldades.

Queremos buscar por dinâmica de grupo e ter ali, a resposta exata para o dilema que estamos vivendo no dia-a-dia da organização.

Mas, como dissemos, cada empresa vive um momento único, com equipes únicas e necessidades únicas.

Querer encontrar uma solução que resolva todos os problemas, de maneira única, é praticamente impossível.

Sabemos todos disso, e portanto, é imperativo que tentemos, cada vez mais personalizarmos qualquer dinâmica de grupo.

Se você quer ser um líder melhor, procure envolver a sua equipe em uma dinâmica de grupo totalmente voltada para seus problemas reais.

Reúna seus funcionários, jogue limpo com eles, promova a confiança e o entrosamento necessário para que eles se sintam seguros em suas funções, e acima de tudo, seja verdadeiro.

Ouvir seu pessoal de coração aberto e pronto para o aprendizado em conjunto, ainda é a melhor dinâmica de grupo que você pode realizar com seu time.